Sexta-feira, 15 de Janeiro de 2010
PORTUGAL DESDE A REVOLUÇÃO DOS CRAVOS TEM SIDO GOVERNADO POR POLÍTICOS E POLÍTICAS DE PRAIA. ESQUECENDO TERRAS NO CORAÇÃO DO PAÍS COMO MAÇÃO, PROENÇA A NOVA, VILA DE REI, SERTÃ, OLEIROS, GAVIÃO, CASTELO BRANCO, TOMAR, COIMBRA,ABRANTES E OUTRAS

POVO PORTUGUÊS NÃO VOTEM MAIS NESTES GRANDES PARTIDOS DAS ÚLTIMAS DÉCADAS ELES NÃO MERECEM O NOSSO RESPEITO. SOMENTE SOL E PRAIA É QUE ELES QUEREM GOVERNAR NO NOSSO PAÍS. POBRE PORTUGAL DOS ÚLTIMOS 30 E POUCOS ANOS QUE SOMENTE PRATICOU POLITICA DE BEIRA MAR.  COMO SE SEMPRE ESTIVESSE DE FÉRIAS. POR ISSO PORTUGAL ESTÁ ASSIM.

 

MESMO QUE SEJA SÓ TRETA DESTE SÓCRATES AINDA DIZ ALGUMAS VERDADES ENTRE MENTIRAS PARA NOS CATIVAR MAIS OUTRA VEZ.

 

MAS O BEIRÃO NÃO SE DEIXA VENDER FACILMENTE!  VAMOS LÁ A VER SE ALGO DISTO SE VAI CONCRETIZAR DESTA VEZ...OU SERÁ OUTRA VEZ SÓ TRETA DA PARTE DESTES PARTIDOS DINOSSAUROS DA PRÉ-HISTÓRIA POLITICA PORTUGUESA. 

 


(O que foi dito na cerimónia de apresentação da adjudicação das estradas do Pinhal Interior)

O primeiro-ministro José Sócrates classificou hoje em Ansião de “escândalo” a falta de investimento rodoviário na zona do Pinhal Interior nos últimos 25 anos, considerando um acto de justiça a concessão de construção e requalificação de vias, hoje adjudicada. “Este é o momento em que o País faz justiça à zona do Pinhal Interior" que "constituía, no quadro das acessibilidades rodoviárias, um buraco negro onde nada acontecia há décadas”, disse o primeiro-ministro na cerimónia de adjudicação da concessão ao consórcio Ascendi.

“Há 25 anos foi aprovada a primeira proposta de Plano Rodoviário. Há 25 anos que o Estado disse ao Pinhal interior que iríamos construir estas acessibilidades e nada foi feito”, situação que classificou de “escândalo”.

Disse ainda que as acessibilidades rodoviárias hoje adjudicadas “correspondem aos mínimos exigidos em termos de segurança e conforto”.

“Não é um luxo”, frisou.

“Aceitou-se, durante décadas, que um conjunto significativo do país, uma região que tem concelhos de quatro distritos, ficasse assim desprezada e até um pouco humilhada do ponto de vista do investimento público perante o resto do país”, continuou.

A concessão Pinhal Interior engloba 22 concelhos en quatro distritos e tem um extensão de 567 quilómetros, 173 dos quais de construção de novos lanços.

Estes respeitam ao IC3 (Tomar-Coimbra), IC8 (entre Proença-a-Nova e a Auto-Estrada A23) e a ligação entre aquela via, na zona da Sertã até Cernache do Bonjardim.

Os novos troços a construir incluem ainda a ligação da Sertã a Oleiros (EN 238) e a Estrada Nacional 342 entre a Lousã, Góis, Arganil e Côja.

Dos 173 quilómetros de lanços a construir, 80 terão perfil de auto-estrada.

A concessão, por 30 anos, representa um investimento total de 1.244 milhões de euros e engloba ainda 135 quilómetros de vias a requalificar, incluindo a variante de Tomar (IC3) ou os troços do IC8 entre Pombal e Ansião e entre Pedrógão Grande e Sertã, entre outros.

Integra ainda a manutenção e exploração de 259 quilómetros de estradas já em serviço.

A concessão foi atribuída ao consórcio liderado pela Mota-Engil, de acordo com um comunicado hoje emitido pela construtora liderada por Jorge Coelho, que confirma a atribuição provisória.

Na sua intervenção José Sócrates lembrou os nomes de povoações servidas pela concessão agora adjudicada - Alvaiázere, Ansião, Pampilhosa da Serra, Oleiros, Sertã, Proença-a-Nova “e até o Troviscal” - defendendo que “é altura do País conhecer melhor estes nomes”.

“Se há boa razão para lançar esta concessão é a ideia que durante anos estes nomes e estas terras foram esquecidos pelo Poder Central”, sublinhou.
(Foi tirado daqui: http://www.jornaldenegocios.pt/)
publicado por Verde Pinho às 02:31
link do post | comentar | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.links da zona
.arquivos

. Agosto 2011

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Setembro 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

blogs SAPO
blogs SAPO
.subscrever feeds